14.10.21       Morning Portuguese  Murli        Om Shanti      BapDada        Madhuban


Essência:
Doces filhos vençam Ravan, os vícios, com o poder do yoga e celebrem o verdadeiro Dashera.

Pergunta:
Qual é a conexão entre o Ramayana e o Mahabharat? O que Dashera indica?

Resposta:
Dashera significa o fim de Ravan e que as Sitas são liberadas. No entanto, ao celebrarem Dashera vocês não são liberados de Ravan. Quando há o Mahabharat, todas as Sitas são liberadas. O reino de Ravan termina com a Guerra do Mahabharat, portanto, o Ramayana, o Mahabharat e o Gita têm uma conexão muito profunda.

Música:
A Chama se acendeu na congregação feliz das mariposas.

Om shanti.
O Pai diz que vocês são a comunidade brahmin. Atualmente, vocês não podem ser chamados de comunidade das divindades. Agora, vocês são a comunidade brahmin e, mais tarde, se tornarão a comunidade das divindades. Hoje, no dia de Dashera, o Ramayana deles terminará. No entanto, não termina. Uma vez que Ravan tenha morrido, a história do Ramayana deveria terminar, mas ela realmente não termina. É por meio do Mahabharat que a liberação é recebida. Esses assuntos também têm de ser entendidos. O que é o Ramayana e o que é o Mahabharat? O mundo não sabe dessas coisas. O Ramayana e o Mahabharat têm uma conexão entre si. Quando o reino de Ravan terminar pela Guerra do Mahabharat, não haverá necessidade de celebrar Dashera etc. O Gita e o Mahabharat também destroem o reino de Ravan. Agora, resta tempo e os preparativos estão sendo feitos: O deles é violento, enquanto que o de vocês não é violento. O de vocês é o Gita; vocês ouvem o conhecimento do Gita. O que acontecerá através disso? O reino de Ravan terminará. Embora eles matem Ravan, isso não traz o reino de Rama. Existe o Ramayana e o Mahabharat. O Mahabharat é para destruir Ravan. Esses são assuntos muito profundos para serem entendidos. Um intelecto muito amplo e ilimitado é necessário. O Pai explica que o reino de Ravan é destruído pela Guerra do Mahabharat. Não é que o reino de Ravan seja destruído simplesmente ao se matar Ravan. A idade da confluência é necessária para isso. Agora, é a idade da confluência. Agora, vocês estão se preparando para vencerem Ravan. São armas de conhecimento, não armas físicas, que são necessárias para isso. Eles retrataram uma batalha entre Rama e Ravan. Todas essas escrituras pertencem ao caminho de devoção. Agora, vocês estão conquistando o reino de Ravan com o poder do yoga. Isto é algo incógnito. Vocês obtêm vitória sobre Ravan, os cinco vícios. De que modo? Com o Gita. Baba está falando o Gita a vocês. Não é o Bhagawad. As atividades divinas de Krishna são mostradas no Bhagawad, mas não existem atividades divinas de Krishna. Vocês sabem que, quando ocorre a Guerra do Mahabharat e a destruição, o reino de Ravan é destruído por elas. Isso também é mostrado no quadro da escada. O caminho de devoção começou no momento em que o reino de Ravan começou. Somente vocês sabem disso. O Gita está conectado com a guerra do Mahabharat. Vocês ouvem o Gita e obtêm o reino; e a guerra acontece para fazer a limpeza do mundo. Todas as atividades divinas mostradas no Bhagawad são descabidas. Não há nada no Shiva Purana. Na realidade, o Gita deveria ser chamado de Shiva Purana. Shiv Baba senta-Se aqui e dá conhecimento. O mais elevado é o Gita. O Gita é a menor de todas as escrituras, pois todas as outras escrituras são bastante grandes. Eles criaram muitos volumes com a história de vida das pessoas. Eles inclusive criaram grandes volumes da biografia de Nehru quando ele morreu. O Gita, relatando uma grande quantidade da história de vida de Shiv Baba, deveria ser tão grande. No entanto, o Gita é tão pequeno, pois o Pai somente diz uma coisa: Lembrem-se de Mim e seus pecados serão absolvidos. Vocês também devem entender o ciclo; só isso! É por isso que eles fazem um Gita tão pequeno. Este conhecimento é para ser aprendido de cor. Vocês sabem que as pessoas criam medalhões do Gita com uma escrita muito pequena neles. Agora, Baba também está colocando um medalhão em volta de seu pescoço: a Trimurti e o reino. Baba diz: O Gita se resume a duas palavras: Alfa e beta. Este é o medalhão do mantra secreto de Manmanabhav: lembrem-se de Mim e seus pecados serão absolvidos. Seu dever é obter vitória com o poder do yoga, e depois, a limpeza também será necessária para vocês. O Pai explica que o reino de Ravan será destruído com o poder de seu yoga. Ninguém sabe quando o reino de Ravan começou. Este conhecimento é muito fácil; é uma questão de um segundo. No quadro da escada de 84 nascimentos, vocês veem que tiveram tantos nascimentos. É tão fácil. O Pai é o Oceano de Conhecimento. Ele continua a falar este conhecimento. Se vocês reunissem todos os papéis usados para as murlis, haveria tantos. O Pai explica a vocês em detalhes. Em essência, Ele diz: Lembrem-se de Alfa. Em que mais vocês gastam seu tempo? Vocês têm um fardo imenso de pecados sobre as suas cabeças. E ele somente pode ser removido com a lembrança. Requer empenho. Vocês se esquecem repetidamente. Se vocês continuarem a se lembrar de Baba, vocês nunca terão quaisquer obstáculos. É quando vocês se tornam conscientes do corpo que vocês experimentam obstáculos. Vocês tornam-se conscientes da alma no final. Então, não existirão obstáculos durante meio ciclo. Esses são assuntos tão profundos que têm de ser entendidos. Baba tem dito tanto a vocês desde o início e, apesar disso, Ele diz: Simplesmente lembrem-se de Alfa e beta. Basta isso! A árvore tem muita expansão, enquanto que a semente é pequenina. Uma árvore tão grande cresce dela. Hoje, é Dashera. Agora, Baba explica a vocês qual é o relacionamento entre o Ramayana e o Mahabharat. O Ramayana pertence ao caminho de devoção. Ele tem continuado durante meio ciclo. Isso significa que, agora, é o reino de Ravan. Então, quando houver o Mahabharat, o reino de Ravan terminará e o reino de Rama começará. Qual é a diferença entre o Ramayana e o Mahabharat? O reino de Rama tem de ser estabelecido, e o reino de Ravan tem de ser destruído. Ao ouvirem o Gita, vocês se tornam dignos de se tornarem senhores do mundo. O Gita e o Mahabharat são para o momento atual, quando o reino de Ravan vai ser destruído. A guerra que eles retrataram está errada. A batalha é para conquistar os cinco vícios. O Pai está dizendo a vocês duas palavras do Gita: Manmanabhav e Madhyajibhav. Esses dois termos aparecem no início e no fim do Gita. Vocês, filhos, entendem que o episódio do Gita realmente está sendo encenado agora. No entanto, se vocês dissessem isso a alguém, tal pessoa perguntaria: “Mas onde está Krishna?”. Existe tanta diferença entre a explicação que Baba nos dá e o que as escrituras do caminho de devoção dizem. Ninguém sabe o que é o Ramayana, nem o que é o Mahabharat. É somente depois da Guerra do Mahabharat que os portões do paraíso se abrem. No entanto, as pessoas não entendem isto. É por isso que vocês simplesmente têm de apresentar o Pai. O Pai diz: Constantemente, lembrem-se apenas de Mim. O Pai diz isso ao mundo inteiro. O Gita foi falsificado. Há a pregação do Gita em todas as línguas. Só haverá uma língua em seu reino. Lá, não haverá nenhuma escritura, nem livros. Nada que tenha a ver com o caminho de devoção existe lá. Bharat tem uma conexão com o Ramayana, com o Mahabharat e com o Gita. Deus fala o Gita a Seus filhos e, graças a isso, eles se tornam os senhores do mundo. A guerra do Mahabharat definitivamente tem de acontecer de forma que o mundo impuro seja destruído. Vocês se tornam puros pelo Gita. Deus, o Purificador, somente vem no final. Ele diz: A luxúria é o maior inimigo, e vocês têm de conquistá-la. Nunca sejam derrotados pelo vício da luxúria; ela causa muito dano. Pessoas famosas, ministros etc. são difamados por causa da luxúria. Muitas pessoas se arruínam por causa da luxúria. É por isso que o Pai explica: Muitos jovens que observam o celibato vêm a Baba. Eles nunca se casam. Também há mulheres que vivem assim. As freiras nunca cedem ao vício. No entanto, elas não obtêm nada ao viverem daquele jeito. Aqui, é uma questão de se tornar puro e um senhor do paraíso nascimento após nascimento. O fardo de pecados de muitos nascimentos está sobre a sua cabeça. Somente quando esses pecados são eliminados é que vocês podem ir para o paraíso. Aqui, as pessoas continuam a cometer pecados. Talvez um sannyasi se torne puro durante um nascimento, mas ele teria de nascer pelo vício. No reino de Ravan, ninguém pode nascer sem o vício. Alguns perguntam: “De que modo as pessoas nascem lá? O que é o poder do yoga?”. Não há necessidade de fazer essas perguntas. Aquele mundo é completamente sem vício. O reino de Ravan não existe lá, portanto, essa questão não surge. Vocês terão visões de tudo. Lá, quando alguém fica velho, essa pessoa tem uma visão de como se tornará um bebê novamente, e de como entrará no ventre de sua mãe. Essa pessoa não sabe para qual lar irá. Ela simplesmente sabe que agora vai se tornar um bebê novamente. Existe o exemplo do pavão e da pavoa: A pavoa concebe quando o pavão derrama lágrimas. Os mamoeiros macho e fêmea também são plantados um perto do outro para que frutifiquem. Isso é maravilhoso. Já que é assim com coisas sem consciência, o que não será possível com as formas conscientes na idade de ouro? Vocês entenderão todas essas coisas de forma detalhada à medida que progredirem mais. A coisa principal para vocês é lembrar-se do Pai de forma que possam se tornar satopradhan a partir de tamopradhan e reivindicar a herança. Então, vocês poderão ver os sistemas e os costumes daquele local mais tarde. Vocês se tornam senhores do mundo com o poder do yoga. Portanto, por que as crianças não poderiam nascer por meio desse poder? Muitas pessoas fazem tais perguntas e, quando não recebem uma resposta adequada, elas caem! Elas têm dúvidas sobre assuntos triviais. Não há coisas assim nas escrituras. As escrituras pertencem ao caminho devocional. O Pai supremo, a Alma suprema, vem e estabelece a religião brahmin, a dinastia do sol e a dinastia da lua. Os brahmins pertencem à idade da confluência. Baba tem de vir na idade da confluência. As pessoas clamam: “Ó, purificador, venha!”. Os estrangeiros dizem: “Ó, Libertador, liberte-nos de nossa tristeza!”. Eles não sabem quem os faz sofrer. Vocês sabem que o reino de Ravan está terminando. Baba está ensinando raja yoga a vocês. A destruição acontece quando o seu estudo termina, e isso é chamado de Mahabharat. O reino de Ravan é destruído pelo Mahabharat. Em Dashera, eles simplesmente queimam uma efígie de Ravan. Aquele é um aspecto limitado, enquanto que este é um aspecto ilimitado. O mundo inteiro vai ser destruído. Filhas tão pequenas estão recebendo um conhecimento tão grandioso! O conhecimento mundano é como parafina, ou querosene, enquanto que este conhecimento é como ghee genuína (manteiga purificada). Há uma diferença de dia e noite. No reino de Ravan, vocês têm de usar óleo em sua comida. Antigamente, ghee era algo tão barato, mas agora ficou caro, portanto, vocês têm de comer óleo. Antes, não havia gás nem eletricidade. Tantas coisas mudaram nos últimos anos. Agora, vocês sabem que tudo isso vai ser destruído. Shiv Baba está nos ensinando para nos tornar como Lakshmi e Narayan. Este Baba sente muito esse júbilo. Maya faz com que vocês, filhos, se esqueçam. Já que vocês dizem que vieram para reivindicar a sua herança de Baba, por que vocês não sentem esse júbilo? Vocês se esquecem de seu doce lar e de seu doce reino. Baba sabe que aqueles que fizerem serviço com seus ossos se tornarão príncipes. Por que vocês não sentem esse júbilo? É porque vocês não ficam na lembrança. Vocês não permanecem completamente engajados no serviço. Às vezes, vocês sentem muito entusiasmo pelo serviço, enquanto que, noutras vezes, vocês ficam desleixados. Cada um de vocês pode se perguntar e verificar se é isto o que acontece. Às vezes, vocês cometem erros e é por isso que Baba tem de lhes explicar. Vocês têm de falar de forma muito doce e tornar todos felizes. Ninguém deve reagir com força. Baba é o Oceano de Amor. As pessoas agora estão batendo tanto suas cabeças para impedir a matança das vacas. Baba diz: A maior chacina é usar a espada da luxúria. Primeiro, terminem com isso. Aquela outra chacina não vai terminar, não importa o quanto eles batam suas cabeças e a espada da luxúria também não deve ser usada. Há tanta diferença entre o que as pessoas dizem e o que o Pai diz. Aqueles que conquistarem a luxúria se tornarão os senhores do mundo puro. Achcha.

Aos filhos mais doces, amados, há muito perdidos e agora encontrados, amor, lembranças e bom dia da Mãe, do Pai, BapDada. O Pai espiritual diz namaste aos filhos espirituais.

Essência para Dharna:
1. Tornem-se um oceano de amor igual ao Pai. Nunca sejam impositivos. Falem de forma muito doce e tornem todos felizes.

2. Façam serviço com seus ossos. Mantenham o júbilo de que vocês deixarão seu corpo velho e se tornarão príncipes ou princesas.

Bênção:
Que vocês sejam um servidor constante e, com seu amor pelo serviço, transformem sua família lokik em uma família Divina.

O dever de um servidor é estar constantemente engajado no serviço, seja serviço por pensamentos, palavras ou ações. Um servidor nunca considera o serviço como algo separado dele. Aqueles cujos intelectos sempre têm amor pelo serviço mudam sua família lokik em uma família Divina. Um servidor não considera sua casa como uma casa, mas um lugar para fazer serviço. A principal virtude de um servidor é a renúncia. Aqueles com uma atitude de renúncia permanecem em suas famílias como personificações de tapasya, e com isso, o serviço acontece automaticamente.

Slogan:
Para tornarem seus sanskars divinos, rendam sua mente e intelecto ao Pai.